Controle de Processos

Usuário
Senha

Notícias

14/06/2024 - 14h01TJMG conclui migração da infraestrutura de TI para a nuvem OracleForam migrados 240 ativos, entre sistemas, microsserviços e funcionalidades

Migração de ativos de TI do TJMG foi realizada entre os dias 24/5 e 3/6 (Crédito: Euler Junior/TJMG) O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) finalizou, em 3/6, por meio da Diretoria de Informática (Dirfor), a migração de sua infraestrutura de TI, iniciada em 24/5. Ao todo, são 240 ativos, entre sistemas, microsserviços e funcionalidades, para o ambiente em "nuvem" Oracle Cloud Infrastructure (OCI). O juiz auxiliar da Presidência do TJMG Rodrigo Martins Faria, responsável pela Dirfor, afirmou que o Tribunal investiu no que há de mais moderno em infraestrutura tecnológica. "A alocação das aplicações na nuvem pública Oracle Cloud Infrastructure oferece recursos avançados e permite atualizações contínuas, o que garante bom desempenho e segurança”. Segundo ele, na nuvem, os sistemas têm seus dados replicados em vários locais, o que os torna menos vulneráveis a falhas e, consequentemente, com menos possibilidades de interrupções. “Se um servidor falha, outro imediatamente assume o seu lugar, mantendo o serviço sempre disponível”, disse. Segundo o juiz auxiliar da Presidência, Rodrigo Martins Faria, a migração para a nuvem torna os sistemas menos vulneráveis a falhas e, consequentemente, com menos possibilidades de interrupções ( Crédito : Euler Junior / TJMG ) O juiz auxiliar da Presidência acrescentou que a nuvem também permite que a capacidade dos sistemas sofra ajustes sempre que necessário, de acordo com a demanda, sem a necessidade de investimentos em hardware. “Desde 3 de junho, nossos principais sistemas já estão operando integralmente na nuvem OCI”, frisou. Ainda de acordo com o magistrado, a mudança traz persas vantagens para o TJMG, entre elas: Resiliência: a nuvem garante que nossos sistemas sejam mais resilientes a falhas, pois os dados são replicados em vários locais, evitando interrupções   Redundância: significa que, se um servidor falhar, outro imediatamente assume seu lugar, mantendo os serviços funcionando sem interrupção   Escalabilidade: podemos ajustar rapidamente a capacidade de nossos sistemas de acordo com a demanda, sem a necessidade de investimentos em hardware   Abaixo, a lista com alguns dos principais sistemas do TJMG que já estão operando integralmente na nuvem pública OCI, no formato PaaS (Platform as a Service). Diretoria Executiva de Comunicação – Dircom Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG (31) 3306-3920 imprensa@tjmg.jus.br/ instagram.com/TJMGoficial/ facebook.com/TJMGoficial/ twitter.com/tjmgoficial flickr.com/tjmg_oficial
14/06/2024 (00:00)
Visitas no site:  1842351
© 2024 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia